Usando, com sucesso, as panelas elétricas de arroz

Autor: 
Jessika Toothman

Há vários fatores que devem ser lembrados para se certificar de que tudo funciona como o planejado durante a utilização de uma panela elétrica de arroz. Mas antes de entrarmos nesse assunto, vamos ver as diferentes variedades de arroz que se pode cozinhar, especialmente as diferenças entre o arroz branco e o integral.

Enquanto vários tipos comuns de arroz são simplesmente variedades de espécies de plantas do gênero Oryza, geralmente o arroz branco se difere do integral somente pelo quanto ele foi refinado. Quando o arroz é colhido, a sua casca natural, chamada de joio, é geralmente retirada para produzir o arroz integral. A partir daí, mais processos de refino removem a camada de farelo, fazendo o arroz mudar de integral para branco, em estágios. Além da camada de farelo, o arroz possui uma pequena porção chamada de gérmen que fica presa a ele, e que também pode ser retirada. Quando o arroz passa por todo esse processo, ele é considerado o arroz branco típico.

Antes de cozinhar na maioria das panelas elétricas, você deve lavar o arroz. A não ser que você esteja cozinhando arroz parboilizado, lavar o arroz é um passo importante para limpar quaisq­uer partículas remanescentes do processo de produção, que em alguns países pode incluir talco. Enxagüar o arroz é também uma boa maneira de eliminar qualquer excesso de amido e deixar o arroz mais soltinho. Uma exceção são as panelas elétricas grandes e totalmente automáticas que enxáguam o arroz.

Outra dica importante é guardar o copo de medição que geralmente vem com a panela elétrica. Os volumes do copo de medição variam de país para país e para ter certeza de que você está enchendo a sua panela elétrica com a quantidade certa de arroz e água, você precisará desse copinho. Isso também é importante porque a maioria das panelas elétricas de arroz possui capacidade de carga otimizada. Por exemplo, uma panela elétrica com capacidade para sete xícaras pode funcionar melhor quando se prepara de quatro a seis xícaras de arroz. Mas tente colocar oito xícaras ou diminuir para apenas uma e provavelmente você não vai gostar do resultado.

Também é importante observar que quantidade diferente de água as diferentes variedades de arroz requerem para que cozinhar de maneira adequada. Muitas panelas elétricas de arroz apresentam linhas de medição na parte interna da cuba de cozimento, que geralmente são apropriadas para o arroz branco pequeno e alguns tipos de arroz integral. Para outros tipos de arroz, deve-se seguir as instruções sobre a quantidade de água que deve ser adicionada. O frescor do arroz também pode afetar a quantidade de água e o tempo de cozimento. Geralmente, é necessário mais água para cozinhar um arroz mais velho.

Mais do que apenas um acompanhamento

O arroz fornece muito mais do que nutrição. O arroz e seus sub-produtos também podem ser encontrados em uma variedade de produtos para o lar como: corda, papel, cosméticos e creme dental [fonte: U.N. Food and Agriculture Association (em inglês)].

­Agora que já sabe o caminho para o sucesso das panelas elétricas de arroz, você precisa escolher qual delas atende suas necessidades. A próxima seção ajudará você a escolher a panela elétrica de arroz perfeita.­