A domesticação dos animais de transporte

Autor: 
Jane McGrath
camelo diante de uma pirâmide
Pankaj Shah/Gulfimages Collection/Getty Images
Durante muito tempo, o camelo substituiu os veículos com roda como principal meio de transporte em certas partes do mundo

Antes da invenção do motor a vapor, do automóvel e do avião, havia a carroça puxada por cavalos. Apesar de isso parecer primitivo em comparação aos transportes modernos, tenha em mente que os animais permitiram alguns dos maiores avanços da civilização durante milênios, por meio da migração e do comércio. A seguir estão alguns dos mais importantes animais que permitiram o transporte humano.

  • Cavalos - testes no solo revelaram resíduos de altas concentrações de esterco de cavalo próximas a antigos povoados, o que serve de evidência à presença de cavalos domesticados cerca de 5.600 anos atrás [fonte: Lovett (em inglês)]. Além disso, evidências de DNA sugerem que os cavalos domesticados de hoje em dia têm origem em diversos territórios e em várias diferentes manadas selvagens [fonte: Briggs (em inglês)]. Apesar de os humanos provavelmente terem usado o gado para obter carne e leite, os cavalos se acostumaram a puxar carroças e a carregar os humanos nas costas. Com os cavalos, os humanos podiam percorrer longas distâncias e viajar rapidamente. Nenhum outro animal contribuiu tanto para o transporte humano. Em certo momento, os antigos romanos (em inglês) chegaram a usá-los em corridas. Os cavalos primitivos viveram e foram extintos na América do Norte, mas foram reintroduzidos pelos espanhóis cerca de 9.000 anos depois.
  • Burros - os egípcios domaram os burros quase na mesma época em que os cavalos foram domesticados. Apesar de eles terem perdido o prestígio daquela época (como vemos pelo uso pejorativo do termo "burro"), os antigos egípcios os reverenciavam. Os arqueólogos descobriram alguns burros que eram distinguidos por rituais fúnebres especiais, o que sugere que os egípcios os considerassem animais muito importantes e respeitáveis [fonte: Chang (em inglês)].
  • Camelos - como os camelos árabes e bactrianos podiam carregar fardos pesados e se viravam bem com pouca água, o povo de áreas desérticas se beneficiou muito da domesticação desses animais. De fato, apesar de as pessoas costumarem associar os camelos a áreas quentes, o camelo bactriano tinha uma pelagem grossa que o permitia suportar até mesmo climas gélidos. Apesar de primeiramente o camelo domesticado ter sido usado apenas para extrair os pêlos, a carne e o leite, com o tempo, as pessoas começaram a usá-lo para transportar cargas pesadas por longas distâncias. Quando essa prática foi iniciada, ela substituiu completamente o uso da roda como ferramenta de transporte por um grande período de tempo em certas regiões [fonte: Meri (em inglês)].

Apesar de o gado e os animais de carga terem fornecido a força de trabalho necessária e terem ajudado os humanos a formar a civilização, não podemos esquecer dos animais pequeninos. A seguir, veremos como alguns roedores, insetos e outros animais ofereceram suas próprias contribuições por meio da domesticação.