Como tornar a sua cozinha eficiente

Autor: 
Seleções do Reader's Digest, do livro "Salve o Meio Ambiente"

Diferentes estratégias são necessárias para tornar cada parte da casa mais econômica, confortável e saudável.

A cozinha eficiente

As cozinhas são grandes consumidoras de energia e água. Também são as maiores fontes de resíduos nas casas. Assim, vale a pena dedicar um tempo à avaliação de sua rotina na cozinha e fazer algumas mudanças. Usar os recursos com inteligência, escolher eletrodomésticos eficientes e reciclar garantirão dividendos a você, à sua casa e ao meio ambiente.

Atenção!
Metade do lixo que jogamos fora são sobras de comida e podas de jardim, que podem ser recicladas para a produção de adubo.

Dez dicas para economizar

1. Geladeiras e freezers consomem muita energia. Por isso, na hora de comprar esses eletrodomésticos, escolha modelos econômicos. Isto lhe garantirá uma redução dos gastos a longo prazo.

4. Não ajuste o termostato para uma temperatura muito baixa. O nível ideal para a geladeira é 3ºC ou 4ºC e para o freezer, –18ºC a –15ºC. Cada redução de 1ºC pode aumentar o consumo de energia em 5%.2. Não mantenha uma geladeira velha de reserva a não ser que realmente precise dela. Os modelos antigos costumam gastar mais energia que os novos.

3. Ponha sua geladeira numa área fresca, longe de aparelhos que geram calor. Deixe um espaço de pelo menos 8 cm para as serpentinas na parte de trás da geladeira. A falta de espaço ou ventilação pode reduzir a eficiência em até 15%.

5. Abra a porta o menos possível. Para cada minuto com a porta aberta, a geladeira leva três minutos para retornar à temperatura ideal.

6. Mantenha pelo menos dois terços do espaço da geladeira ocupado. Os alimentos retêm o frio melhor que o ar. Vazia, a geladeira precisa de mais energia.

7. Verifique regularmente as vedações. Para isso, feche a porta sobre uma folha de papel. Se conseguir puxar o papel com facilidade, é preciso apertar as dobradiças ou substituir as borrachas.

8. Degele o freezer a cada três meses, se o aparelho não tiver degelo automático. Nunca deixe uma camada de gelo superior a 5 mm.

9. Limpe anualmente as serpentinas na parte traseira para garantir um funcionamento adequado.

10. Caso se ausente por um longo período, esvazie a geladeira, desligue-a e deixe a porta aberta.

Senso no fogão

Também na hora de comprar fogões e fornos, é preciso seguir alguns critérios para fazer uma escolha ecologicamente correta.

Trocar um fogão elétrico por um a gás pode reduzir em meia tonelada a emissão de gases do efeito estufa.

  • Fogões a gás têm metade do custo de funcionamento dos modelos elétricos e produzem metade dos gases causadores do efeito estufa.
     
  • Não compre um aparelho maior do que o necessário. Em geral, quanto maior, mais energia utilizará.
     
  • Escolha um fogão com bocas de diferentes tamanhos, o que ajuda a controlar a energia utilizada.
     
  • Se decidir comprar fogão elétrico, lembre-se de que espirais tendem a ser mais baratas e eficientes do que placas sólidas ou de cerâmica.
     
  • Se optar pela eletricidade, considere usar placas de indução, que são 30% mais eficientes que as tradicionais. Cada placa de indução tem uma chave e uma espiral indutora eletromagnética. Quando uma panela é colocada sobre a placa, cria-se um campo magnético, que aquece a panela, mas não o fogão. O desperdício é pequeno, e o controle da temperatura é mais preciso.

Prós & contras - Na lava-louças ou na pia?
Lavar a louça na pia obviamente poupa energia e, se você tiver cuidado para evitar desperdícios, também pode ser a melhor opção em termos de consumo de água. No entanto, se você tiver uma lava-louças moderna e econômica, e usá-la corretamente – com carga máxima em modo econômico –, poderá gastar apenas 16 litros de água por lavagem. São 2 litros a menos em relação à média da lavagem manual. Comparando: um modelo antigo, da década de 1980, consome em torno de 36 litros de água.

Com auxílio de cientistas, o Greenpeace desenvolveu uma tecnologia de refrigeração chamada Greenfreeze, que usa hidrocarbonetos naturais.

Mais de 100 milhões de aparelhos Greenfreeze já foram vendidos no mundo, mas ainda não chegaram comercialmente ao Brasil.

 

Dica: Evite as geladeiras com acessórios desnecessários, como máquina de gelo. Elas custam mais e consomem mais energia.

Veja outras maneiras de salvar o meio ambiente, por Seleções

Teste seus conhecimentos sobre:

Como tornar a sua cozinha eficiente