Como se preparar para pintar uma casa

Autor: 
Fix-It Club

Se você estiver com sorte, tudo o que sua casa precisa antes de ser pintada novamente é de um bom banho. Lave-a com uma mangueira e remova a sujeira mais difícil com esfregão, sabão e água morna. Ou lave-a com um lavador elétrico. Se você não for tão sortudo, simplesmente encare o fato de ter um trabalho longo pela frente. Faça bem o trabalho e a sua pintura não somente ficará melhor, como durará por cinco ou oito anos em média.

Comece examinando toda a parte externa da casa ou anexo. Examine não só as paredes exteriores, mas também embaixo dos beirais, perto das portas, janelas e toda a estrutura. Procure telhas e laterais rachadas, pregos à mostra, pintura descascando, mofo e manchas de ferrugem. Uma vez identificadas as áreas que necessitam de atenção, prepare-se para muito trabalho e faça os reparos.

Remova áreas pequenas de pintura defeituosa com uma escova de metal e/ou com uma espátula.
2006 Publications International, Ltd.
Remova áreas pequenas de pintura defeituosa com uma escova de metal e/ou com uma espátula.
Esfregue as quinas das ripas de madeira e calhas.

Limpando

Utilize uma escova de metal e uma espátula para remover áreas pequenas de pintura defeituosa. Esfregue as quinas das ripas de madeiras, assim como calhas e sarjetas. Para um trabalho mais rápido em metal, uma escova de metal conectada em uma broca elétrica, removerá ferrugem e tinta com um menor esforço. Para uma remoção de pintura mais ampla, invista em um raspador profissional, uma ferramenta com uma lâmina substituível que é capaz de arrancar a pintura velha em todas as direções com uma única raspada. Segure o raspador de maneira que a lâmina fique perpendicular à madeira, aplique pressão de moderada a forte e arraste-o pela superfície. Mantenha a lâmina lisa de encontro à madeira, assim ela não danificará a superfície.

Movimente uma lixadeira orbital elétrica para cima e para baixo ou para trás e para frente para remover tinta velha e aplainar as superfícies irregulares.
2006 Publications International, Ltd.
Movimente uma lixadeira orbital elétrica para cima e para baixo ou para trás e para frente para
remover tinta velha e aplainar as bordas irregulares

Lixamento

Para alisar as bordas, você pode embrulhar um pedaço de papel lixa em torno de um bloco de madeira. Para áreas maiores, é menos cansativo e mais efetivo utilizar uma lixadeira orbital elétrica. Movimente-a para cima e para baixo ou para trás e para frente por toda a superfície, removendo a tinta velha e as bordas irregulares. Não use uma lixadeira elétrica de disco ou de correia. Ambas podem deixar redemoinhos ou depressões na madeira que ficarão visíveis através de uma nova camada de tinta.

Derretimento

Especialmente para depósitos pesados de tintas, calor pode ser mais efetivo do que força. Uma maneira de aplicar calor é utilizar um removedor de tinta elétrico. Trata-se de um dispositivo com um componente plainador aquecido, que "cozinha" a tinta e possui um raspador interno que a retira. Usando luvas pesadas, segure o componente aquecido contra a superfície até que a tinta derreta. Segure o removedor firmemente sobre a superfície. O raspador acoplado retirará a tinta cozida, à medida que você trabalha.

Outro jeito de remover tinta velha é com um removedor elétrico de tinta.
2006 Publications International, Ltd.
Outro jeito de remover tinta velha é utilizando um removedor elétrico. Trata-se de um  dispositivo com um
componente plainador que amacia a tinta e tem um raspador interno.

Removedores líquidos de tinta

Utilize removedores líquidos de tinta somente como último recurso. Eles funcionam bem, mas são caros, especialmente em grandes trabalhos. Além disso, eles podem transbordar para dentro da tinta boa, resultando em mais um problema para você resolver.

Preparação

Assim que você removeu toda a tinta solta, deve aplicar uma base apropriada em algumas áreas afetadas, especialmente se o seu sistema de remoção de tinta resultou em exposição de madeira crua ou metal desencapado. O tipo da base depende da tinta que você utilizará depois. Para tinta látex, use base látex; para tintas diluídas com solventes, use base com solvente; e para metais, utilize base metálica. Essas coberturas dão uma proteção extra contra agentes deteriorantes e também formam uma fundação firme para as tintas finalizadoras. Além disso, a preparação sempre é requerida quando se trabalha com madeira nova.

Outros trabalhados de preparação

Mesmo que você tenha sorte suficiente para escapar da raspagem, lixação e preparação, existem ainda outros serviços de pré-pintura que devem ser verificados. Eles são muito menos trabalhosos do que remover pedaços de tinta, mas não menos importante para um trabalho bem sucedido.

Manchas de ferrugem em paredes, saliências e estruturas precisam ser removidas. Buracos em calhas e sarjetas têm que ser consertados. Fragmentos soltos de selantes devem ser substituídos, assim como as telhas rachadas. Buracos nas paredes devem ser preenchidos, lixados e preparados. O mofo deve ser raspado e providências devem ser tomadas para impedir que ele volte.

Além disso, para tornar a pintura mais fácil, batentes de janelas, quadros, dobradiças, toldos, soquetes de lâmpadas (assegure-se de desligar a energia elétrica), a caixa de correspondência e até mesmo números de endereço da rua devem ser retirados, limpos e pintados separadamente. Você pode até remover as calhas, pois às vezes é difícil colocar um rolo de pintura atrás delas.

Para tornar a pintura mais fácil, remova os soquetes das lâmpadas e outros acessórios.
2006 Publications International, Ltd.
Para tornar a pintura mais fácil, remova os soquetes das lâmpadas e outros acessórios

É possível completar todo esse trabalho de preparação para uma casa inteira em um único dia ou em um final de semana. Se você está pintando com látex, pode iniciar no dia seguinte; tintas baseadas em solventes não aderem bem às superfícies úmidas, então espere alguns dias até que todas as superfícies que foram lavadas estejam absolutamente secas antes de aplicar este tipo de tinta.

Lavagem

Este processo não somente fará com que a parte externa da casa fique limpa e a estrutura livre de sujeira para a nova pintura, mas também o ajudará a encontrar imperfeições na superfície que precisam ser corrigidas.

Dependendo do quão suja a sua casa estiver e do tamanho da casa, há duas maneiras de trabalhar. Se você mora em uma casa de tamanho médio, utilize uma mangueira de jardim com uma escova de lavar carro para lavar as áreas maiores. Para sujeiras incrustadas utilize uma escova ou uma esponja e um balde de água morna com um detergente bom e forte. Trabalhe de cima para baixo e enxagüe todas as áreas esfregadas.

Para remover sujeiras incrustadas, utilize uma escova ou uma esponja.
2006 Publications International, Ltd.
Para remover sujeiras incrustadas, utilize uma escova ou uma esponja e um balde de água morna com um detergente bom e forte. Trabalhe de cima para baixo e enxágüe todas as áreas esfregadas.

Para casas enormes alugue um limpador de alta pressão. Este dispositivo conecta-se ao sistema de fornecimento de água da sua casa e emite um jato a uma pressão de 600 libras por polegada quadrada. Ele é equipado com uma pistola manual ativada por um gatilho. A pressão é alta o suficiente não apenas para remover sujeira incrustada, mofo, manchas e sal marinho seco, mas também para remover tinta solta. Na verdade, se o jato d'água for liberado muito próximo à superfície, ele pode até mesmo descascar a pintura sadia, rachar telhas e fazer um furo na parede. Siga as instruções do fabricante e use óculos de proteção e roupas adequadas.

Você pode utilizar o limpador a jato enquanto trabalha em uma escada, embora uma plataforma seja melhor. Primeiro pratique no nível do chão, pois a força do jato contra a casa pode derrubá-lo da escada se você não tomar cuidado. Algumas destas máquinas vêm com reservatórios separados que você pode encher com soluções de limpeza ou anti-mofo. Os jatos são tão fortes que normalmente não é necessário utilizar uma solução de limpeza. Se você optar por utilizá-la, lembre-se de enxaguar a superfície com água limpa em seguida.

Restaurando pregos saltados

O banho da casa pode revelar pregos aparentes na parede ou cabeças de pregos que deixaram marcas de oxidação nas paredes exteriores. Se esse for o seu caso, utilize folhas de lixa ou lãs de aço para limpar as cabeças dos pregos. Em paredes de ripas de madeira, utilize um prego ajustado para rebaixar a cabeça do prego cerca de uma polegada abaixo da superfície da madeira. Aplique uma cobertura de base inibidora de oxidação (a menos que o prego seja de alumínio ou aço galvanizado não oxidável) e deixe-o secar. Preencha o furo do prego com cimento. Quando o preenchimento estiver seco, dê uma demão de base. Para pregos de cabeças planas, que não podem ser rebaixados, lixe as cabeças até que elas fiquem brilhantes e cubra com base.

Amarre uma corda em torno do tronco e puxe a árvore para longe da casa.
2006 Publications International, Ltd.
Para manter as árvores fora do caminho enquanto você está pintando, amarre uma corda em torno do tronco e puxe a árvore para longe da casa. Amarre a outra ponta da corda em uma estaca no chão do quintal.

Cobrindo arbustos

Árvores, arbustos e plantas ornamentais também podem estar no caminho da sua pintura. Pode todos os galhos que estão pendurados sobre a casa ou encostando nas paredes. Árvores e arbustos altos crescendo perto da casa, podem ser envolvidos em lonas. Amarre uma ponta da corda em torno do tronco pelo menos na altura média. Puxe o topo da árvore para longe da casa, e amarre a outra extremidade da corda em uma estaca, colocada em um ponto distante no quintal. Cubra arbustos pequenos, canteiro de flores, calçadas e entrada de automóveis com lonas para protegê-los de gotas e derramamento de tinta.

Calculando a quantidade de tinta necessária

O tamanho da casa, a condição das superfícies, o tipo de cobertura que você escolheu e o método de aplicação são fatores que determinarão a quantidade de tinta que você precisa comprar.

Paredes largas, telhas ou telhados, detalhes arquitetônicos ou paredes exteriores com adornos podem levar de 10 a 50% mais tinta do que paredes planas ou lisas.

Os pulverizadores, que aplicam o equivalente a duas camadas de tinta de uma vez, podem requerer duas vezes mais tinta do que pincéis, rolos, ou almofadas para as mesmas dimensões de superfície.

Você pode comprar mais tinta padrão, pré-misturada se acabar a que você comprou. Ou se você comprar bastante, muitas lojas darão crédito ou devolverão o dinheiro referente aos galões não abertos. Com tintas personalizadas, porém, pode ser difícil obter a mesma tonalidade se você precisar de quantidades adicionais. Calcule a sua necessidade cuidadosamente e compre um galão extra por segurança.

Para determinar a quantidade de tinta que a sua casa necessita, meça o perímetro da casa. Multiplique esta estimativa pela altura, excluindo as pontas das cumeeiras. Meça com uma trena ou estenda uma corda em volta da casa, marque e meça a corda. Se você vai utilizar tintas diferentes nas entradas da sua casa, subtraia 6m2 para cada porta e 4,5m2 para cada janela comum. Divida a estimativa final pela área de cobertura em m2 especificado na lata de tinta para determinar o número de galões que você precisará para uma demão.

Se a sua casa tem cumeeiras, você pode estimar a quantidade de tinta necessária, adicionando meio metro à altura, quando fizer os cálculos. Para ser mais exato, meça a largura da parede da cumeeira e multiplique pela sua altura. Divida o número final por 2 para determinar as dimensões em m2 da cumeeira.

Para pintar enfeites, a dica é 1 galão para cada 6 galões de tinta de parede. Para ser mais exato, você terá que estimar as áreas das portas, janelas e calhas. Para as calhas, um metro linear é aproximadamente igual a 1m2, então para 50 metros de calha, compre tinta suficiente para cobrir 50m2.

Agora você está pronto para começar a pintar. Continue lendo para aprender sobre pintura de paredes e enfeites.