Standby - energia em estado de espera

Autor: 
Zolton Cohen

Você provavelmente não percebe, mas neste momento há um ladrão de energia presente em sua casa. Ele é silencioso e passa despercebido, mas está roubando sua carteira. Seu nome é "standby" (energia em estado de espera).

Esse é o termo usado para a eletricidade usada em eletrodomésticos e dispositivos mesmo quando estão desligados. Mas como pode ser isso? Um eletrodoméstico não está "desligado" quando você o desliga? Não necessariamente.

Muitos dispositivos elétricos consomem eletricidade 24 horas por dia só para se manterem aquecidos para quando você decidir usá-los. "Aparelhos de TV com "partida rápida" são um exemplo. Quer você assista a TV por sete horas ou não, ela está sempre parcialmente ligada, permanecendo pronta para brilhar assim que você apertar o botão.

Outros aparelhos que consomem energia constantemente são aqueles que possuem relógio externos ou internos: forno de microondas, computadores, videocassetes, aparelhos de DVD, receptores de TV a cabo e satélite. Especialistas em energia estimam que aproximadamente 5% do consumo de potência elétrica nos Estados Unidos/>/> é usado em energia em standby. É como se várias usinas tivessem que trabalhar em tempo extra só para que possamos ter nossos aparelhos eletrônicos prontos para funcionar.

Alguns dos dispositivos mais comuns que usam o estado de espera são os adaptadores de energia usados em telefones sem fio e secretárias eletrônicas.

Quanto consomem estes dispositivos? Não muito, só uns poucos watts, 3 a 5 watts talvez. Mas multiplique esse número por 24 horas por dia, vezes 6 a 10/> aparelhos em uma residência normal e o alcance da economia pode ser maior do que parece.

Desligue os equipamentos fora de uso

Por muitos anos, os fabricantes não tiveram nenhum incentivo para aumentar o aproveitamento da energia em aparelhos eletrônicos que usam standby. Afinal de contas, eles não estão pagando a conta de eletricidade de ninguém. Mas recentemente, desde que aparelhos mais eficientes surgiram no mercado, é provável que qualquer dispositivo eletrônico que você comprar vai trazer uma melhoria em aproveitamento da energia em relação a um aparelho mais velho.

Uma boa solução para lidar com perdas por causa da função standby em aparelhos existentes é ligar vários deles num filtro de linha que tenha um botão liga-desliga. Eles são baratos e disponíveis em lojas de materiais para a casa ou suprimentos de escritório. Toda uma série de aparelhos podem ser desligados apertando um botão. Isto funciona bem em áreas de entretenimento, onde uma TV, vídeo cassete, aparelho de DVD e receptor de cabo já podem estar ligados numa única tomada.

Entretanto, se você quiser deixar algum aparelho ligado, por exemplo o aparelho de vídeo cassete para gravar algo enquanto você estiver fora, o esquema não vai funcionar. E isso não vale a pena em aparelhos que possuem funções com relógio dos quais você depende o tempo todo. Mas se você pensar um pouco e separar os dispositivos que podem ser desligados completamente sem conseqüências, poderá se surpreender com a quantidade de aparelhos que podem ser ligados a um filtro de linha.

Em termos gerais, do ponto de vista da economia de energia, seria uma boa idéia desligar qualquer dispositivo eletrônico que não estivesse sendo usado naquele momento. Luminárias e torradeiras não são eletrônicas e não usam energia em modo standby quando estão desligadas, mas os carregadores de bateria, TVs, aparelhos de vídeo cassete e DVD, computadores e sistemas de som usam. Por que pagar por essa energia se você não está usando o aparelho?

Confira a regulagem dos eletrodomésticos

É surpreendente o quanto podemos ficar comprometidos em afinar e ajustar coisas na nossa vida, enquanto outras pessoas nem pensam a respeito disso. Podemos passar horas escolhendo a tinta para a sala de jantar e ignorar o fato de que nossos refrigeradores estão operando muito quentes ou muito frios. Isso pode custar dinheiro que não precisamos gastar e consumir eletricidade que não precisa ser desperdiçada.

A temperatura do refrigerador e do freezer pode ser ajustada usando um termômetro preciso e controles fáceis de localizar dentro do compartimento do refrigerador. Ajuste o refrigerador entre 2 e 3ºC e o freezer entre -15 e -17º C. Qualquer coisa abaixo disso é desperdício. Os alimentos não vão durar mais tempo se a temperatura estiver mais baixa e alguns ítens, como a alface e outros vegetais, congelam e estragam por causa de baixas temperaturas no compartimento do refrigerador, desperdiçando comida e energia.

Se você usa um desumidificador na sua casa, saiba que a maioria deles são controlados por um medidor de umidade. Ele está para a umidade assim como o termostato está para a temperatura. Em outras palavras, se a umidade na área onde o aparelho funciona cair para um certo nível, a máquina irá desligar até que a umidade suba até aquele nível outra vez.

Abaixar o medidor de umidade até seu nível mais baixo faz com o desumidificador opere constantemente, o que é dispendioso. Já que o desumidificador usa bastante eletricidade, a operação menos constante do aparelho irá beneficiar a soma total da sua conta. Encontre um nível de umidade com o qual você possa conviver e ajuste o desumidificador para esse nível. Você terá como resultado uma unidade que opera alternadamente e economiza energia em comparação com uma que opera constantemente.

Maximize o conforto pessoal

A adaptação a uma casa mais fria no inverno e mais quente no verão será auxiliada pelo uso de alguns dispositivos para aumentar seu conforto pessoal.

Você pode economizar energia reduzindo o calor da casa e criando sua própria zona de aquecimento na cama, ao dormir sob uma manta ou cobertor térmico. Pequenos aquecedores de ambiente servem ao mesmo propósito no ambiente de uma sala. Se você sabe que estará em uma área da casa por um período de tempo, reduza a potência do termostato do sistema de calefação e ligue um aquecedor na área onde você estiver e você reduzirá o consumo geral de energia naquele período. Isto funciona bem para escritórios em casa ou salas de entretenimento planejadas para ver TV ou filmes.

Como alternativa no verão, a instalação de um pequeno aparelho de ar condicionado para refrescar áreas pequenas poderá reduzir a sua conta de energia substancialmente. Reduza o termostato para manter o sistema operando com menos freqüência. A energia que o aparelho de ar condicionado usa é menor do que a usada pelo sistema maior. Esta estratégia pode ser usada à noite em um ou dois dormitórios, desde que você possa dormir com o barulho criado pelo aparelho.

A combinação de muitas das medidas simples que enfatizamos pode fazer uma grande diferença na sua conta de energia. Só é necessário um pequeno comprometimento da sua parte para poupar energia e parar com o desperdício na sua casa.


Publications International, Ltd.